setembro 27, 2007

Lobos, Lobos!

(Queria ter escrito este post ontem, mas não consegui.)

Gostava de ter ido receber a selecção portuguesa de rugby ontem à tarde, mas infelizmente o trabalho não deixou.
Parabéns, estiveram bastante bem.

setembro 14, 2007

Rugby - a continuação

Nunca mais é amanhã para ver os tugas a jogarem contra uma das melhores selecções do mundo.

Haka! Haka! Haka!

Boa sorte Lobos. ;)

setembro 10, 2007

Domingo vi o meu primeiro jogo de rugby.


(foto retirada do site da cgd)

Ontem vi o meu primeiro jogo Portugal - Escócia, senti orgulho de poder dizer que os "Lobos" são do meu país, adorei o jogo e no meio de toda a brutalidade consigo perceber porque se diz que o Rugby é um jogo de cavalheiros. Descobri que só o capitão pode falar com o árbitro e, mesmo tendo um ou outro jogador português lhe dirigido a palavra, nunca houve exaltação por parte dos jogadores e nunca a decisão do árbitro foi contrariada. Descobri também que há um "tele-árbitro", sempre que o árbitro de campo tem dúvidas pede que um outro árbitro que está a ver o jogo num ecrã veja a repetição da jogada para que a decisão seja justa. Claro que quando o árbitro não tem dúvidas não há nada a fazer, mas sempre há uma maior probabilidade de um resultado mais justo.

Para quem achava que os "Lobos" (ainda vou ter de descobrir porque são lobos e não outro animal qualquer) iam ser trucidados, já que a Escócia está no 8º lugar do ranking mundial, soubemos resistir. Gostei a da humildade do treinador português que não tem ilusões quanto à força da sua equipa e quer é que façam um bom trabalho, que dêem o melhor de si e que saiam de cabeça erguida. Os objectivos para o primeiro jogo eram:
- Perder por menos de 60 (na primeira parte estávamos a perder por 18 e a primeira parte tem 40 minutos);
- TENTAR fazer um ensaio (não só FIZEMOS o ensaio, como ainda conseguimos marcar uma penalidade).
Acho que por terem superado os objectivos os jogadores portugueses já se podiam sentir satisfeitos consigo próprios. Mas o que de facto me deixa orgulhosa é que eles não desistiram, resistiram aos “nervos” e fizeram excelentes jogadas. São amadores a jogar contra profissionais, é um jogo contra uma excelente equipa, é a estreia de uma equipa que joga por amor ao jogo. A emoção e o nervosismo dos portugueses era evidente, mas ainda assim não se deixaram ir a baixo e provaram que eram bons, inexperientes, mas ainda assim com grande qualidade.

O melhor jogador em campo foi Vasco Uva, o capitão português, mas o meu jogador preferido foi o Rui Cordeiro, não que tivesse feito o melhor jogo, mas dava para perceber o quão importante para ele estar a jogar no campeonato do mundo e ainda por cima uma estreia a jogar contra a Escócia.

Os meus parabéns à equipa portuguesa, ganharam mais uma fã.

setembro 05, 2007

Mais algumas imagens de Granada


(Palácio Cristão Construído no Alhambra depois da expulsão dos Árabes)


(Entrada da Catedral)


(Estamos em todo o lado)


(Jardim de pesseio das "gentes lá do sítio")


(Vista para o Alhambra do Museu Arqueológico)


(Rua no Centro da Cidade - Parecia mesmo que estávamos em Marrocos ou algo do género)


(O Centro da Cidade)